Artigo

Entenda como acontece a desvalorização da moeda e suas consequências para o comércio exterior

16 de março de 2021
Blog > Entenda como acontece a desvalorização da moeda e suas consequências para o comércio exterior

Basta dar uma olhadinha nas notícias do país para perceber o quanto a inflação impacta no dia a dia da economia brasileira. No Comércio Exterior, isso não é diferente!

A variável está entre um dos fatores mais importantes na hora de realizar uma operação internacional e, por isso, escrevemos aqui tudo o que você precisa saber sobre o assunto e como ele pode impactar na sua importação/exportação. Boa leitura!

Primeiro passo: entenda o que é IPCA

É impossível falar em inflação sem saber o significado de IPCA. A sigla é a abreviação do termo Índice de Preços do Consumidor Amplo e trata-se de um indicador que calcula a variação de preços da cesta de bens e serviços consumidos pelas famílias brasileiras.

Quando falamos em “cesta” é uma cesta mesmo, que leva em conta itens consumidos por famílias brasileiras que recebem de 1 a 40 salários mínimos. Essa cesta está sempre sujeita a alteração, pois o comportamento do consumidor brasileiro está em constante evolução.

O cálculo do IPCA é feito mensalmente e leva em conta a variação do preço desses bens e serviços. A partir dele, temos o cálculo das taxas de inflação.

Afinal, o que é inflação?

A inflação trata-se do aumento generalizado dos preços calculados pelo IPCA.

Isso acontece, na maioria das vezes, pelo aumento do nível de atividade da economia. Ou seja, as pessoas começam a comprar mais, a demanda aumenta, e as empresas têm que produzir mais, aumentando a oferta. É um exemplo prático da lei da oferta e da procura.

Quando há mais produtos do que interessados em comprar, os preços tendem a cair. Por outro lado, se um produto estiver em falta ou se aumentar a procura, o seu preço se eleva.

Um dos fatores que conduz o aumento dos preços é o crescimento dos gastos públicos. Isso leva o governo a cobrar mais impostos e, como consequência, o preço dos produtos é afetado. Além disso, há também outros fatores ligados a inflação, como monopólios, aumentos súbitos nos custos de produção e baixo nível de produção.

A inflação tem inúmeras consequências para a economia de um país, desde a perda de compra pela população até o crescimento da taxa de juros.

Como o Comércio Exterior é afetado?

Na prática, a inflação desvaloriza o dinheiro de um país, ou seja, você consome menos gastando o mesmo que antes. Geralmente quando falamos em “desvalorização” é tido como base o valor do dólar, a principal moeda no mercado de câmbio.

Com isso, os custos para importação aumentam e, assim, a presença dos produtos estrangeiros no mercado nacional diminui. Por outro lado, as exportações ganham fôlego e ajudam a diminuir o déficit na balança comercial do país.

Entretanto, é importante ressaltar que um cenário de inflação impacta diretamente no custo envolvido em uma operação internacional. Da obtenção de matéria prima, ao pagamento de fornecedores, a inflação afeta todos os intervenientes e, por isso, o custo final acaba sendo maior.

Uma alternativa para enfrentar um período como esse sem imprevistos, é manter uma comunicação clara e objetiva com seus fornecedores. Assim, você fica por dentro de tudo o que está acontecendo e consegue desenhar a melhor alternativa para a sua empresa.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES.
INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER.