Informação

Supersafra 2021 promete impulsionar agronegócio. Confira os destaques da semana 10

15 de março de 2021
Blog > Supersafra 2021 promete impulsionar agronegócio. Confira os destaques da semana 10

Chegou a hora de ficar bem informado. Separamos aqui os três principais destaques da semana 10. Confira:

01 – Supersafra 2021: Conab estima colheita de 272 milhões de toneladas de grãos

Impulsionada pela produção de soja e milho, a temporada de 2020/2021 já está sendo considerada uma supersafra, com volume recorde estimado em 272,3 milhões de toneladas. Um número 6% superior ao obtido em 2019/2020.

Entre os protagonistas deste resultado histórico estão o milho, feijão, algodão e a soja. No caso do milho, podemos dizer que o aumento de 6,7% na sua área de produção é um dos principais motivos para a colheita recorde no mês de janeiro. Agora, a previsão é de que o cereal obtenha uma produção recorde de 108 milhões de toneladas em 2021. Um volume histórico! 

Já a soja vem mantendo a tendência de crescimento na área cultivada. A expectativa é de que a safra deste ano cresça 4,1% em relação ao ciclo passado. Com uma área de 38,5 milhões de hectares e produção de 135,1 milhões de toneladas. 

O feijão está no final da primeira fase de colheita e a expectativa é de que aconteça um crescimento de 1,6% na produção total do cereal, totalizando 3,3 milhões de toneladas.

Enquanto isso, o algodão em pluma continua com um cenário positivo no mercado internacional. As exportações no acumulado de janeiro e fevereiro aumentaram 6,4% em relação ao último ano e a expectativa é de que o cenário continue assim enquanto a safra durar. 

02 – Brasil e Argentina solucionam pendências históricas

Após um intenso trabalho, Brasil e Argentina conseguiram solucionar 49 temas pendentes na relação bilateral agropecuária entre as nações. A Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil, Tereza Cristina, se reuniu com o Ministro da Agricultura da Argentina, Luis Basterra, durante a semana 10 para debater as medidas e estreitar o comércio e a cooperação entre os dois países

Os temas incluem abertura e reabertura de mercado de diversos produtos, como farinhas, carnes (bovina, suína e aves), lácteos, grãos, pet food e frutas. Um exemplo é a autorização para a importação de camarões inteiros e limpos da Argentina e a resolução de pendências sanitárias para exportação de uva e maçã brasileiras. 

Com a solução dessas pendências, a expectativa é de que o fluxo comercial agropecuário entre os dois países seja intensificado enquanto os dois Ministros continuam os trabalhos para solucionar outras pendências. 

03 – Recuperação no setor de calçados: exportações crescem pelo segundo mês consecutivo

Segundo os dados divulgados pela Associação Brasileira de Calçados (Abicalçados), as exportações do setor somaram US$ 61,58 milhões em fevereiro. Foram mais de 9 milhões de pares embarcados no total.

Os resultados são superiores tanto em volume (+2,5%) quanto em receita (+1,1%) na comparação com janeiro, mês em que já havia sido registrada uma alta. Os dados demonstram uma recuperação lenta, porém constante, que o setor vem passando desde que a pandemia começou em 2020. 

O principal destino dos calçados brasileiros é os Estados Unidos, para onde foram exportados 2 milhões de pares. Em segundo lugar aparece a França, que recebeu 1,36 milhão de pares. 

Fique sempre informado 

Se você gosta de receber notícias em primeira mão, temos um convite para você: assine a nossa Newsletter!

Semanalmente, enviamos no seu e-mail um resumo com os principais destaques do Comércio Exterior, além de compartilhar materiais exclusivos sobre os mais diversos temas. Clique aqui para se cadastrar.

RECEBA NOSSAS NOVIDADES.
INSCREVA-SE EM NOSSA NEWSLETTER.